segunda-feira, 14 de fevereiro de 2011

About Light and the Water III


Im Ayrogh Veuchlitz - Lévon Minassian 

5 comentários:

Tina disse...

O mar e a sua imensidão que transporta o meu olhar para além da linha do horizonte, envolvida nestes tons que me sugerem uma irrealidade de outro mundo em perfeita harmonia.
O doudouk de Lévon Minassian, com o seu apelo e lamento, aumenta a sugestão de viagem para outras paragens, onde os meus sentidos ficam à flor da pele e me conduzem ao êxtase.
Perante este quadro de tons surrealistas, aspirando o cheiro da maresia e enfeitiçada pelo movimento constante das ondas, o céu é o limite.
Parabéns, Vasco, por tão bela foto! E obrigada pela partilha!

2 ZEROS disse...

Afinal existe o mar vermelho...!
E como é belo!

Anónimo disse...

..........!!! olhar,...
..........!!! escutar,...
..........!!! sentir,...
... ( intenso ),...
Obrigada
Abraço
AC

VT disse...

Obrigado Tina 2Zeros e AC pelos excelentes e generosos comentários.
De facto nos últimos momentos do pôr do sol a superfícies espelhada do oceano reflecte os tons do céu... e aí temos o tal mar vermelho. Mas sobretudo são momentos muito fugazes com uma atmosfera muito especial - a saborear intensamente.
Bem hajam
VT

lily disse...

Ya he visto algunos hay wedding gowns with sleeves