segunda-feira, 29 de junho de 2009

O Palacete Almeida Araújo

O Palacete Almeida Araújo, cuja construção inicial terminou em 1904, continua felizmente a dominar a Avenida do Mar e a Lagoa, tendo sido reabilitado meticulosamente na sequência da queda de um faísca destruir, em 1930, o seu interior.
Foi a segunda casa de veraneio construída por alguém, "de fora", entre a povoação e a praia (a primeira foi a de Francisco de Almeida Grandela).
Mantendo a traça original confere uma "atmosfera" especial à Foz do Arelho, apesar de estar, cada vez mais, rodeado de guindastes e "colmeias" de novas construções encavalitadas umas nas outras.
Sabe-se que Joaquim Palhares de Almeida Araújo era casado com D. Hermínia Franco, filha do Visconde da Falcarreira, que se dedicava à música e participava em concertos.
A fachada, que parece surgir de um filme realizado nas décadas iniciais de Hollywood, transporta-nos através do Tempo e do Espaço... até nos encontrarmos no varandim do Palacete, sobre uma noite de luar iluminando a lagoa... do interior ecoam os acordes de uma orquestra, que nos embalam, enquanto dançamos "Moonlight Serenade"...
VT


Moonlight Serenade – Glenn Miller

3 comentários:

Anónimo disse...

"Só há um princípio motor: a faculdade de desejar."

Aristóteles

Isabel Caixinha disse...

..o Palacio, o mar numa noite de luar, o Glenn Miller...que dificil sair desta varanda!
Bjs
isabel

Anónimo disse...

Passei igualmente por aqui...
terá sido sob esta mesma noite de luar que dancei e me deixei inebriar pelos acordes da orquestra?