quarta-feira, 1 de setembro de 2010

About Light and the Water II


Light and water - Meditations on Quan Yin 

6 comentários:

Anónimo disse...

Mar de Setembro

Tudo era claro:
céu, lábios, areias.
O mar estava perto,
Fremente de espumas.
Corpos ou ondas:
iam, vinham, iam,
dóceis, leves, só
alma e brancura.
Felizes, cantam;
serenos, dormem;
despertos, amam,
exaltam o silêncio.
Tudo era claro,
jovem, alado.
O mar estava perto,
puríssimo, doirado.

Eugénio de Andrade


Belíssima Foto! Retrato fiel de Movimento e Luz ! Em fundo, conduzido pelo Som, o Espírito Eleva-se…
Parabéns pelo Post !

FC

Anónimo disse...

"Música, levai-me:

Onde estão as barcas?
Onde são as ilhas?"

Eugénio de Andrade

Envolvente.
IM

Tina disse...

O fascínio irresistível do mar é inegável. Todos os grandes poetas conseguiram traduzir essa magia, que partilharam connosco em versos bem sugestivos.
Trago Sophia de Mello Breyner Andresen:

"Quando eu morrer voltarei para buscar
Os instantes que não vivi junto do mar
De todos os cantos do mundo
Amo com um amor mais forte e mais profundo
Aquela praia extasiada e nua
Onde me uni ao mar, ao vento e à lua."

A música acentua essa magia e o apelo irresistível.
Obrigada pela partilha, Vasco.

Anónimo disse...

...não trago nada a não ser a vontade de olhar/sentir-me e imaginar,... numa viagem que me transcende onde por momentos ainda que breves, saio, plano, pouso e volto, envolta em Natureza Sábia e aí, espanto-me uma vez mais com tanta Beleza.....e paro...
O fascinio da Lagôa, encantadora.......
Obrigada!
Abraço
AC

VT disse...

Agradeço a FC a Tina e a IM (bem vinda já que julgo ser o seu 1º comentário) virem hoje de mão dada com 2 estrelas de 1ª grandeza (Eugénio de Andrade e Sophia de M Breyner Andressen) enriquecendo o post. Obrigado ainda pelas Vossas palavras simpáticas e poesia que também emana dos Vossos próprios comentários - que também está presente aliás no modo como AC "canta" os seus voos criativos.
A fotografia foi colhida com a última luz dourada do dia e a baixa velocidade para ficar registado o movimento da água.
Bem hajam
VT

Paulo Duarte disse...

Olá! Espectaculares registos.
Este trabalho parece uma pintura, BELO.
Espectaculares momentos de clik.
Felicidades e continuação de bons momentos.
Até Sempre.