segunda-feira, 20 de dezembro de 2010

O Pescador e a Lagoa



A Apanha de bivalves ao fim do dia na Lagoa de Óbidos
.
Un vaste et tendre
Apaisement
Semble descendre
Du firmament
Que l'astre irise...
C'est l'heure exquise.
(Paul Verlaine)


Twilight Fields - Stephan Micus

8 comentários:

Anónimo disse...

Uma foto mto. feliz. O anoitecer a cair sobre a Lagoa, com a sua tranquila envolvência, a solidão do apanhador dos bivalves. A alma e os sentimentos de quem teve a sorte de estar no sitio certo, na hora exacta. Parabéns.
L.B.

Tina disse...

Na realidade, como tens vindo a referir, só podemos ficar preocupados quando lemos no Portal Oficial do Municipio de Óbidos o seguinte:
"A construir numa área correspondente a 230 hectares de orla costeira, no topo da falésia, com vista sobre o mar nas proximidades da Lagoa de Óbidos, o Falésia d'El Rey será um resort de cinco estrelas de luxo, concebido pelo arquiteto norte-americano Pete Dye, com 475 propriedades, campo de golfe de 18 buracos, um hotel de cinco estrelas, um boutique-hotel com SPA, piscinas, campos de ténis e lojas."

Este magnífico conjunto de fotos a preto e branco, que nos trazem a magia tranquila da Lagoa, fazem-nos sentir que não é possível tamanho desrespeito pelo equilíbrio deste ecossistema!

Ao som da flauta mágica acompanhamos a figura solitária do pescador na sua labuta pelo pão e recordamos com nostalgia o final de um poema de Sophia:

"...Ao longe por mim oiço chamando
A voz das coisas que eu sei amar.

E de novo caminho para o mar."

És um privilegiado, Vasco, por usufruíres deste local abençoado! Obrigada pela partilha!

Isabel X disse...

Nestas imagens encontra-se um contraste imenso: a lagoa e a calma que dela emerge, de que a figura humkana é elemento central; o céu e a intensidade (quase ameaça) das nuvens interrompidas, intercaladas, em movimento, ou turbilhão.

Três fotografias que constituem uma série. Por si mesmas. Sem legenda, sem poema, sem música. Tudo que as explique está a mais. Incluindo este comentário, claro.

- Isabel X -

A Luz A Sombra disse...

Arte de fotografar... arte de ver... arte de esperar pela hora... e muito mais!
Parabéns VT e um Bom Natal.
A Luz A Sombra

FUBICO.com disse...

Cara, fotos de cair o queixo.

Hellag disse...

que fotos mais lindas!!!!!
que estejamos todos em 2010 aqui a comentar e a partilhar uma das nossas paixões...Boas Festas e MUITA saúde e amor(algum dinheirito também era bom, ehehe)
Hellag (*_*)

VT disse...

Obrigado Luísa pelos parabéns. De facto acho que tenho muita sorte a fotografar porque, inesperadamente e frequentemente, surgem-me, à frente da Câmara, cenários naturais de grande qualidade estética.
Obrigado Tina. Somos todos privilegiados por termos este local que a todos pertence. Não sei se estou certo mas o empreendimento que citaste será mais a sul do que citei no post anterior. Serra d´El Rei fica um pouco antes do Baleal.
Obrigado Isabel X. Toda a razão. De facto estas fotos constituem e foram colocadas como uma série. A opção pelo Preto e branco acentua o dramatismo das nuvens, dos contrastes e da situação/tema. - obrigando-nos a vermos com outros olhos uma paisagem afinal quase quotidiana na Lagoa.
Obrigado A Luz A sombra pela sensibilidade e simpatia.
Obrigado Fubico pelo elogio generoso e obrigado Hellag pela simpatia e pelos Votos que também faço meus com muita esperança.
Bem hajam
VT

Anónimo disse...

...como frequentadora assidua que fui durante anos da praia do Bom Sucesso, experienciei de muito perto este estar do quotidiano dos pescadores da Lagoa de Obidos, cujas fotografias aqui, ilustram bem o que sentia na altura...., uma Paz imensa, uma tranquilidade avassaladora que envolvia todo o ambiente, um silencio transcendente, onde todo e qualquer gesto por muito pequeno que fosse ecoava nas aguas e no ar, onde quase sem grande esforço se poderia ouvir os pensamentos, como que numa linguagem de "almas", onde a "espiritualidade" do espaço era "religiosamente" preservada, em rituais e rotinas sagradas por quem sabia o que fazia, ao mesmo tempo que sabia de SI e se encontrava...., era uma forma de "culto"....
..., o efeito do brilho prateado, de uma Luz de Luar, é poderoso e transforma em sensibilidade e sensualidade o que muitas vezes parece rude....
Abraço
AC