sexta-feira, 14 de agosto de 2009

O Monte


Over the Hillside - The Blue Nile

6 comentários:

Anónimo disse...

Pastor do Monte, Tão Longe de Mim

Pastor do monte, tão longe de mim com as tuas ovelhas
Que felicidade é essa que pareces ter — a tua ou a minha?
A paz que sinto quando te vejo, pertence-me, ou pertence-te?
Não, nem a ti nem a mim, pastor.
Pertence só à felicidade e à paz.
Nem tu a tens, porque não sabes que a tens.
Nem eu a tenho, porque sei que a tenho.
Ela é ela só, e cai sobre nós como o sol,
Que te bate nas costas e te aquece, e tu pensas
noutra cousa indiferentemente,
E me bate na cara e me ofusca. e eu só penso no sol.

Alberto Caeiro, in "Poemas Inconjuntos"
Heterónimo de Fernando Pessoa

FC

Isabel disse...

Bonita composição !
Bjs

Anónimo disse...

Que saudade...entre o céu e a terra!
MV

Submarino Amarelo disse...

A fotografia é tranquila e gostei muito dela. Mas é a conjugação com uma música ideal para a acompanhar que faz deste um post irresistível.
Os Blue Nile são uma preguiçosa e perfeccionista banda de Folk/Pop/Acústico/Electrónico/Ambiental de Glasgow que demora quatro a cinco anos a gravar quarenta minutos de música num álbum. Como esta fotografia sugere, a perfeição nunca tem pressa...

alice atras do espelho disse...

Gosto...
...gosto da simplicidade do olhar, da pureza do tema, das formas e luzes em realidades contrastadas, da serenidade que transmite e da esperança que sugere.
Mais um excelente olhar do autor, num enquadramento inspirador.

Bjs criativos =)

VT disse...

Um beijo para a FC, a Isabel, a MV e à Alice por me acompanharem neste Blog com as Vossas lindas palavras.
Um abraço ao submarino a quem não escapou a criteriosa escolha da "banda sonora".
Bem Hajam
VT