sábado, 24 de abril de 2010

A Aberta da Praia da Foz do Arelho V



Na continuidade dos posts anteriores mostrando a evolução dos acontecimentos na praia da Foz do Arelho e da sua “Aberta” para o mar, apresentamos imagens realizadas no dia 22. Depois de uma 1ª camada de pedra foi-se colocando a areia, entretanto armazenada na margem sul da “Aberta”, para tapar aquela comunicação. Com alguma dificuldade devido às correntes (que impediram o encerramento, arrastando a areia para o interior da Lagoa, nos dias 20 e 21) lá foi surgindo um istmo unindo as 2 margens. Ainda estreito e insuficiente mas isolando já a Lagoa de Óbidos. Como ainda não está aberto (só iniciado) um canal de comunicação com o mar, no sítio de sempre da “Aberta", junto ao Gronho - a Lagoa está com as águas paradas e sem a oxigenação e mistura de águas habitual para manter o seu ecossistema. Esperamos para ver a evolução da situação e a resposta do Mar. Julgo que este fenómeno enquadra-se num conjunto de alterações ambientais e de catástrofes naturais cada vez mais frequentes que resultam do aquecimento global e de um planeta maltratado pela Humanidade. Diga-se de passagem que são múltiplas as referências por todo o país sobre o desaparecimento de quilómetros de praias. Ou seja: somos uma nação que está a encolher. Aproveitamos para informar que há 2 dias atrás foi noticiado existir já uma decisão para que o Museu de Cerâmica seja alargado para os espaços em volta – ficando posta de parte a sua instalação nos Pavilhões do Parque, tal como defendemos no nosso post do dia 10 de Abril passado. Congratulamo-nos, em consequência, com a solução final. Sabemos que o IPC esteve atento ao nosso post. Saber ouvir/ler os outros é um bom sinal. Estão, pois, de parabéns todas as Instituições envolvidas.
-

A Change Is Gonna Come - Solomon Burke 

5 comentários:

Multiolhares disse...

Quase sempre a mão do homem altera o ecossistema e destrói a natureza,em frente á Foz do Arelho na praia dos belgas há uns bons nos ia para lá parecia quase um pequeno paraíso com as suas duna brancas mas tudo se vai perdendo com a habitação...enfim
beijos

Tânia regina Contreiras disse...

É lamentável o que a burrice humana continua destruindo!

abraços

cx disse...

Tenho acompanhado com muito interesse este preocupante desenvolvimento na Foz do Arelho!É urgente a reversão das deteriorações causados pelo aquecimento global, que apesar das controversas opiniões a este respeito, infelizmente se manifestam cada vez com mais evidência! Os Holandeses tomam presentemente algumas medidas de prevenção neste sentido, como o fortalecimento dos diques e o levantamento da costa! Porém receio que se não modificarmos sériamente o nosso comportamento simplificando a nossa forma de vida, não vai haver prevenção que nos valha! Como é que é possível ignorar o privilégio de fazer parte deste fascinante Universo desrespeitando a natureza de que fazemos parte e dependemos? Cabe sobretudo, a cada um de nós!
Bem hajas Vasco pela interessante exposição!

São Caixinha

Anónimo disse...

Muito bem, fico contente pela decisão (politica) tomada relativamente ao alargamento do Museo de Cerâmica das Caldas da Rainha, espero sinceramente que se mantenha e não sofra nenhum "retrocesso". Bem Hajas HEAVENLY pela tua intervenção.
Quanto a situação da Aberta da Foz do Arelho e olhando bem as fotos aqui apresentadas assim como a evolução e consequência deste tipo de intervenção, fico muito preocupada, diria mesmo assustada, porque não percebi ainda muito bem qual é realmente o objectivo....; quando olho as fotos não consigo ver a praia, mas sim uma extenssão de areia que quebra abruptamente no Mar...(chamar a isto Praia...,exigirá grandes alterações deste conceito...). Mais ainda preocupa-me o facto de que ao fecharem/taparem a lagôa de Obidos, possam não ter previsto as consequências desta intervenção, não percebendo uma vez mais qual o real objectivo..., mas enfim reconheço que poderei não estar dentro da "realidade" e estar a ser exageradamente "descrente/pessimista.....(As mudanças vão acontecer e estão já acontecendo de certeza, vamos dar algum crédito e ter Esperança que sejam para melhor). O Tempo o Dirá!!!..., não nos devemos esquecer do Poder da Natureza.
Abraço
AC

VT disse...

Um grande abraço para Multiolhares, Tânia, São Caixinha e AC. As Vossas preocupações são minhas também. Aliás confirmaram-se alguns receios q explicitava no post. Como a nova "Aberta" não foi ainda executada junto ao Gronho e a Lagoa está sem comunicação com o mar - começaram já a aparecer peixes e bivalves mortos nas suas margens.
Bem hajam
VT