quinta-feira, 22 de abril de 2010

Cumplicidade

Phellinus torulosus - Mta das Caldas da Rainha
.
Projecto de musgo Aninhado Ao colo do cogumelo Lento amor Na música da manhã A quietude das cores Como uma nave Pairando No espaço infinito
(VT)
Beauty of dreams – Sigur Rós 

8 comentários:

António disse...

Plantas??? Eu diria nova figuração expressionista!!
Será que estou a precisar de mudar as minhas lentes!?
AD

Tânia regina Contreiras disse...

Lento...e tão lindo amor!!! Nossa, me ensina a olhar assim, vai!!!! Ser breve e ser todo - quem dera eu soubesse e pudesse!

Abraços arrebatamento e êxtase...

Anónimo disse...

A Beleza da Cumplicidade, está na simplicidade e na Natureza, um post invulgarmente Belo!
A aprendizagem é um processo constante de descoberta, inerente a todos os seres vivos, sendo atraves deste que nos desenvolvemos/evoluimos/crescemos.É Ancestral e utiliza como instrumento fundamental o "Jogo". O "Jogo" é a actividade "Simbólica" que existe mesmo antes da aquisição da linguagem (falada) pelo Ser Humano. Atraves do "Jogo", aconteceram e acontecem as descobertas mais importantes em vários ramos da Ciência e da Arte. É no prazer intrinseco do "Jogo" e na simples "Brincadeira" que se descobrem grandes Valores....
Atraves do "Jogo", experienciamos, integramos, aprendemos, alteramos, "Criamos" e refinamos/polimos, certas capacidades e/ou potenciais (por vezes ocultos, quando inatas)....
O 1º Ano de Vida é sempre o mais importante, é durante este espaço que são criados e desenvolvidos os "pilares"/"alicerces", para um desenvolvimento que todos esperamos sempre, saudavel e harmonioso.
Podemos "Jogar" com as Palavras (seus significados) e com os sentimentos nelas envolvidos (surge a POESIA ); podemos "Jogar" com os variados sons/notas musicais, de variados objectos/instrumentos ( surge a composição musical ); podemos "Jogar" com a LUZ, as CORES, o BRILHO, as SOMBRAS, os REFLEXOS, etc ( nasce a PINTURA e a ARTE FOTOGRAFICA ). Atraves do "Jogo" podemos criar "novas" realidades, alterando-as de forma a que sejam percebidas diferentemente, apelando de forma subtil ao envolvimento de todas as funções "sensitivas". É uma forma profunda/enigmática, (simbólica) simples e sensivel de comunicar.
Acabo de falar o que penso e o que sinto em relação a HEAVENLY, que paulatinamente vai descobrindo e descobrindo-se, nas "coisas" simples da Vida do dia a dia, que estão sempre presentes na Natureza, caracteristicas, afinidades, (que poderá idealizar) assim como aprendendo este Amor Con(sentido), numa relação de Cumplicidade em que metaforicamente todos estaremos envolvidos, num gesto de "entrega" e "partilha".
PARABENS por tudo "ISTO".
Vou aproveitar para contemplar uma vez mais, este espaço de "Sonho" e de "Encantamento", refastelando-me e saboreando esta Delícia de Sigur Ros(e) com esta imagem que a mim me parece mais algo de muito Bom e Comestivel...huuummmm
:-)
Abraço
AC

Anónimo disse...

"O sentimento humano é como os rios poderosos que abençoam a terra: não esperam pela beleza- correm com força incansável e geram a beleza por si.
George Eliot - "Adam Bede"

Beleza foi uma constante em Heavenly durante o seu primeiro ano de existência...!
RP

Vieira Calado disse...

Gosto muito deste tipo de poemas.

Parece simples...

mas é preciso escolher bem as palavras.

Saudações poéticas

A Luz A Sombra disse...

Uma grande e perigosa cumplicidade!
Explosiva mesmo...
E linda...linda!
A Luz A Sombra

VT disse...

António fica descansado que ainda não é desta que precisas de ir ao oftalmologista. Aquele Abraço.
Tânia... Wow! Muito obrigado pelas suas palavras/emoções - lindas, feitas com todos os sentidos e arrebatadoras. Vc sabe e pode transformar-se em poesia.
AC muito obrigado pela sua companhia e pelos seus comentários sempre muito simpáticos. O importante é, de facto, descobrirmo-nos. Para isso precisamos "desaprender" muita coisa para então percebermos. Cuidado com a trincadela no cogumelo que pedi emprestado à "Wonderland".
Tocam os sinos na aldeia dos meus afectos com o regresso de RP que festejo ruidosamente - ainda por cima acompanhada por uma "coluna" essencial: a da Beleza.
Bem vindo Vieira Calado. Teremos muito gosto que nos continue a visitar. Os poetas e a sua poesia são essenciais neste blogue. Saudações poéticas e muito obrigado pela atenção.
Abraço para a Luz a Sombra sempre simples e directa iluminando-nos com a sua sensibilidade.
Bem hajam
VT

Sandra Gaspar disse...

Foto está soberba. Parabéns!